fbpx

Estudantes de Saúde da Unesulbahia realizam palestras sobre câncer de mama em UBS de Eunápolis

115

Em comemoração ao Outubro Rosa, estudantes dos cursos de Medicina e Fisioterapia da Unesulbahia promovem nos dias 25 e 27 de outubro palestras para conscientizar a população de Eunápolis sobre o Câncer de Mama. O evento vai ocorrer nesta segunda-feira, 25, às 8h, com os alunos de Fisioterapia na Unidade Básica de Saúde (UBS) Dinah Borges e na quarta-feira, 27, às 7h30, com acadêmicos de Medicina na UBS Osvaldo de Melo.

As palestras serão ministradas pelos estudantes, com apoio das equipes das duas Unidades Básicas de Saúde, como enfermeiros, médicos e dentistas. Organizador do evento, o fisioterapeuta e professor dos cursos de saúde da Rede UniFTC – mantenedora da Unesulbahia – Dr. Wagner Araujo explica que a ação surgiu a partir da necessidade de conscientizar a população sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce do Câncer de Mama.

“Apesar do apelo realizado todo ano no mês conhecido como Outubro Rosa, diversas mulheres ainda desconhecem os riscos do Câncer de Mama e nem mesmo sabem como fazer o autoexame em casa. Esta ação tem o objetivo de levar informações importantes para as pessoas e ajudar na formação profissional e humana dos estudantes da Unesulbahia”, comenta o professor Wagner, Doutor em Medicina e Saúde Humana.

Câncer de Mama – Segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), o Câncer de Mama é uma doença causada pela multiplicação desordenada de células anormais da mama, que forma um tumor com potencial de invadir outros órgãos. Além disso, não é uma doença causada apenas nas mulheres. Apesar de raro, 1% do total de casos da doença no Brasil são em homens.

Ainda conforme dados do Inca, o Câncer de Mama é o mais incidente em mulheres no mundo, com aproximadamente 2,3 milhões de casos novos estimados em 2020, o que representa 24,5% dos registros novos por câncer em mulheres.

No Brasil, o Câncer de Mama é o tipo de Câncer mais incidente em mulheres de todas as regiões, após o Câncer de Pele não Melanoma. Em 2021, estima-se que ocorrerão 66.280 casos novos da doença.

Situação comovente – A Unesulbahia também realizou palestras nos dias 19 e 20 de outubro e, no dia 19, um caso comoveu a todos que estavam participando. Durante o evento uma senhora começou a chorar e relatou sentir vários ‘caroços’ na região da mama, e que se sentia fragilizada emocionalmente diante dessas alterações em uma das mamas.

Após este episódio, tanto o professor Wagner Araujo quanto os profissionais presentes no local se mobilizaram e conseguiram orientá-la sobre o fluxo de atendimento via SUS, com o apoio de uma profissional de saúde do município. “Isso só prova como, muitas vezes, coisas que a gente acha serem óbvias para todo mundo, pode não ser tão óbvia assim para uma grande parcela da população”, finaliza o professor da Rede UniFTC.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários estão fechados.

Ligue pra gente!