fbpx

Enfermeiro do Futuro: principais tendências para a profissão

160

No dia 12 de maio é comemorado o Dia Internacional do Enfermeiro. A data faz alusão ao nascimento da britânica Florence Nightingale, que ficou conhecida por alicerçar a enfermagem moderna. Mas, desde a idade média, religiosos e mulheres já praticavam o ofício, cuidando rotineiramente de enfermos com algumas ações, como desinfecção e massagens.

Atualmente, os enfermeiros exercem muitas outras atividades, trabalhando em conjunto com os demais profissionais da saúde em Redes Hospitalares; Unidades Básicas de Saúde (UBS/postos de saúde); Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU); Clínicas e Consultórios; Assistência na área de transplantes de órgãos; Serviços Especializados; além de atuarem na docência, pesquisa ou no atendimento direto ao paciente.

O exercício profissional é regulamentado no Brasil pela Lei n° 7.498, de 25 de junho de 1986. De acordo com uma pesquisa realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no ano passado, a área de saúde no país conta com, aproximadamente, 3,5 milhões de trabalhadores. Desse montante, a metade é composta por profissionais de enfermagem, dentre técnicos, auxiliares e enfermeiros.

Ainda, segundo o estudo, no mercado de trabalho, 59,3% das equipes de enfermagem encontram-se no setor público; 31,8% no privado; 14,6% no filantrópico e 8,2% nas atividades de ensino. “Mesmo o setor público predominando, estima-se que a área privada passe por um período de crescimento devido aos problemas existentes na saúde pública brasileira. É garantido que profissionais qualificados atuem no setor particular através de um campo amplo. Para isso, o enfermeiro deve fazer cursos e pós-graduações, além de ter foco em algumas áreas”, informou a coordenadora do curso de Enfermagem da UniFTC de Juazeiro, Luciana Lopes.

De olho no Futuro

Num mundo cada vez mais digital, todos os setores vêm se transformando e adotando novas tecnologias. Não seria diferente nas profissões ligadas à saúde. A enfermagem do futuro reserva um panorama promissor em diferentes funções, com diversas oportunidades para aqueles que se mantêm antenados às tendências e preocupados em aprimorar constantemente o cuidado assistencial oferecido aos pacientes. Existem áreas carentes de profissionais especializados.

Separamos algumas perspectivas que você pode apostar para ter sucesso na carreira:

Empreendedorismo

Um dos segmentos que mais tende a se expandir nessa profissão é o empreendedorismo. Sim! O enfermeiro pode ser empreendedor e não apenas trabalhar em hospitais e clínicas de saúde.

Empreender não é apenas abrir uma empresa. Esse profissional pode se dedicar a cooperativas (terceirização de mão-de-obra), assim como realizar consultorias e auditorias como autônomo ou trabalhando em corporações. Prestar serviços especializados, como clínicas de vacinação, amamentação, esterilização de material médico-hospitalar, transporte de pacientes, aluguel de equipamentos e comercialização de produtos da área hospitalar são mais algumas opções”, citou a coordenadora.

Home Care e Daily Care

Nas duas formas de negócio, o enfermeiro vai até o paciente, seja por meio de serviços domiciliares ou em eventos. O profissional pode ser acionado para aplicação de medicação, teste de glicemia, cuidados pós-operatórios e pós parto, assim como realizar atendimentos em eventos, sendo chamados para fazer curativos, verificação de sinais vitais, dentre outras atividades.

Os profissionais da área de enfermagem também podem promover projetos de educação em saúde e ministrar palestras em eventos sobre prevenção de doenças, por exemplo.

Cuidados com idosos

Com o crescimento da terceira idade no Brasil, uma das grandes tendências é cuidar desse público através de um serviço de reabilitação. No acompanhamento de pacientes geriátricos, o profissional de saúde pode promover a autoestima, esclarecer dúvidas, garantir a correta administração de medicamentos e evitar internamentos desnecessários.

O(A) enfermeiro(a) pode ainda orientar sobre a higiene e avaliar a alimentação, oferecendo segurança no ambiente familiar.

Coach Integrativo

Com o objetivo de aprimorar o atendimento em saúde e fortalecer mudanças de estilo de vida, o enfermeiro pode oferecer ferramentas para desenvolvimento do autocuidado, contribuindo na busca do equilíbrio em sua saúde, em seu bem-estar, trabalhando as emoções e impulsionando uma vida saudável.

Área de Gestão

A área de gestão torna-se promissora para aquele profissional que planeja atuar no gerenciamento de pessoas. Existe a possibilidade de assumir cargos de coordenação nas unidades hospitalares, postos de saúde, secretarias de saúde, empresas, universidades e oferecer treinamentos para outros profissionais..

#vempraUniFTC

Na Rede UniFTC, o curso de Enfermagem segue o modelo interprofissional, reforçando a atuação conjunta entre as áreas de conhecimento. Em sala de aula e laboratórios modernos, a instituição estimula o protagonismo e o aperfeiçoamento de habilidades. Além disso, os discentes contam com o Centro de Carreiras, setor que compartilha orientações essenciais sobre o mercado de trabalho para quem está iniciando o movimento ao futuro.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários estão fechados.

Ligue pra gente!